Bem-vindo Visitante
Login de Usuário
Brinquedos, Rezas e Trovas de Alagoas
Autor(es): Daniela do Carmo Kabengele; Jesana Batista Pereira; Walcler de Lima Mendes Júnior
Idioma: Português
Editora: Essere nel Mondo
Ano de Publicação: 2016
ISBN: 978-85-67722-80-1
Formato: Somente formato eletrônico
Download Grátis
Informações

O livro possui três capítulos que circundam em torno de um centro comum, ainda que instável expresso no termo cultura popular. Mestres de folguedos, beatos, músicos são modos de expressão ligados ao cotidiano do trabalho e da vida.  O que se questiona é o quanto o mestre de folguedos, o beato, o músico ao assumir para si o termo cultura popular já não estaria se distanciando de seu modo de fazer, de sua forma de expressão, isto é, o quanto já se encontraria contaminado daquela classificação acadêmica. O capitulo 1 sugere cenas e narrativas que foram registradas por ocasião de uma romaria na região serrana do sertão Alagoano. Enquanto manifestação religiosa a romaria traz consigo aspectos singulares e complexos acerca dos estados em que se encontram as gentes deste sertão e as condições gerais e específicas do trabalho e da vida. O capítulo 2 aborda as manifestações sonoras e musicais do sertão e agreste de Alagoas. Sonoridades, músicas e poesias são tratadas como forma de expressão ou modo de fazer, dependendo do tipo de prática e das circunstancias em que ela se manifesta. O capítulo 3 lista, brevemente, alguns folguedos populares dos estados de Alagoas e Sergipe, por um lado, e circunscreve a trajetória da mestra de folguedo Joana Gajuru, por outro.

Prefácio
Introdução
Romeiros e Beatos por entre os Estados das gentes do Sertão
Expressões Poéticas, Musicais e sonoras do Sertão alagoano
Lá Vem, Lá Vem o Guerreiro de Joana Gajuru

Jesana Batista Pereira

Concluiu o Bacharelado em Ciências Sociais Habilitação Antropologia na Universidade de Brasília em 1988; Mestrado em Sociologia na Universidade Federal do Ceará em 1996 e Doutorado em Antropologia na Universidade Federal de Pernambuco em 2007. Professora e Pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Sociedade, Tecnologias e Políticas Públicas (SOTEPP); Pesquisadora e colaboradora do Instituto de Tecnologia e Pesquisa/ITP,atuando na Linha de Pesquisa: Sociedade, Cultura e Narrativas com ênfase em Antropologia do Simbolismo e Imaginário e suas expressões no Cinema; Literatura; Mulher; Gênero e Sexualidades; Patrimônio Imaterial e Bens culturais intangíveis; Sociedade e Cultura no Brasil; Mito hermenêuticas do cotidianoMembro do Grupo de Pesquisa Nordestanças da UFAL, onde atua como pesquisadora do Projeto Universal/CNP de Salvaguarda do patrimônio imaterial de Alagoas, financiado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAN. Autora do livro:Mazzaropi: Um Pícaro da Pátria Jeje de Exu; Organizadora do livroLetras projetadas sobre fundo em movimento: palavras que dizem cinema. Editora Executiva da Revista Interfaces Científicas – Humanas e Sociais – Grupo Tiradentes/SE.

 

 

Walcler de Lima Mendes Junior

Walcler de Lima Mendes Junior é Jornalista, documentarista e músico. Graduado em comunicação Social, Jornalismo, Mestre e Doutor em Planejamento Urbano e Regional pelo IPPUR/UFRJ. Professor Titular II do Centro Universitário Tiradentes (Unit/Alagoas) e pesquisador colaborador do Instituto de Tecnologia e Pesquisa/ITP, atuando também no Programa de Pós-Graduação em Sociedade, Tecnologias e Políticas Públicas (SOTEPP). Líder do Grupo de Pesquisa Nordestanças da UFAL, onde atua como pesquisador do Projeto Universal/CNPQ, Mapeamento do Patrimônio Cultural do Agreste Alagoano e do Projeto de salvaguarda do patrimônio imaterial de Alagoas, financiado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAN. Autor dos livros: O Sujeito arquiautor: conflitos do discurso urbano e midiático e Rasuras e Refrões: Derrida e Deleuze entre bambas, matutos e foliões. Organizador do livro Letras projetadas sobre fundo em movimento: palavras que dizem cinema. Diretor dos documentários etnográficos: Quilombolas da Marambaia, A Lapinha de Dudé, A saga do menino Canta e da série Cadernos de Viagem: Índia, Austrália, Nova Zelândia, Leste Europeu, Turquia e Nepal. Site: http://gpnordestancas.com. Área de interesse em Etnomusicologia, Cinema, Antropologia da Imagem, Análise do Discurso, Cultura, Regionalismo e Urbanismo.

 

Daniela do Carmo Kabengele

Coordenadora de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão do Centro Universitário Tiradentes UNIT AL (2015). Presidente do Comitê Científico do UNIT AL (2015). Docente do Programa de Pós-Graduação em Sociedade, Tecnologias e Políticas Públicas (UNIT AL). Pesquisadora do Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP). Coordenou o Comitê de Ética em Pesquisa - UNIT AL (2013/2014). Doutora em Antropologia pela UNICAMP (2012). Pesquisadora-Visitante na University of Texas at Austin, com Bolsa Fulbright (2010/2011). Foi Bolsista Ford-IFP (2007/2010). Mestre em Antropologia pela UNICAMP (2005). Eleita membro do Conselho Ético e Fiscal da Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares da UNICAMP (2004). Participou do Programa de Formação de Quadros Profissionais do CEBRAP para mestrandos (2002/2003). Graduada em Ciências Sociais, Bacharel em Sociologia pela UNICAMP (1998). Áreas de interesse: Identidades; Trajetórias; Relações Raciais; Estudos de Família e Gênero, Educação, Práticas Culturais; Marcadores Sociais da Diferença. Representante do Centro Universitário Tiradentes junto ao Fórum de Pró Reitores de Pós-Graduação e Pesquisa de Alagoas, FOPROPE-AL. Membro da Câmara Técnica Permanente de Avaliação e Assessoramento (Ciências Humanas) da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas - FAPEAL.

E-books Relacionados
Essere nel Mondo

Rua Borges de Medeiros, 76
Santa Cruz do Sul / RS – Brasil | CEP 96810-034

+55 (51) 3711-9469