Bem-vindo Visitante
Login de Usuário
Home > E-books Esgotados > A FORMAÇÃO DO PREÇO DA SOJA NO BRASIL:
A FORMAÇÃO DO PREÇO DA SOJA NO BRASIL:
A INFLUÊNCIA DA BOLSA DE CHICAGO E DO CÂMBIO
Autor(es):
Idioma: Português
Editora: Essere nel Mondo
Ano de Publicação: 2015
ISBN: 978-85-67722-47-4
Formato: Somente formato eletrônico
E-book Esgotado
Informações

Diversas são as variáveis que influenciam a formação do preço da soja no Brasil em geral e no Rio Grande do Sul em particular. As principais são as cotações na Bolsa de Cereais de Chicago e as variações na taxa de câmbio no Brasil, visto que as cotações em Chicago são estabelecidas em dólares dos EUA. Nesse contexto, o presente trabalho buscou analisar a influência desses dois componentes sobre o preço do produto estabelecido no Rio Grande do Sul, visando definir qual dos dois tem maior consequência sobre o preço nacional da oleaginosa, tomando-se por base a realidade gaúcha, a partir de duas metodologias econômicas que se complementam: a análise empírica, a partir de dados reais obtidos em uma série temporal no contexto da prática do mercado; e a análise econométrica, a qual parte de diferentes variáveis que incidem sobre o preço final ao produtor rural, definindo, por ordem de importância, as mais relevantes. O presente estudo conclui que a variação cambial, nas duas metodologias, se mostrou mais impactante na formação do preço nacional da soja, em relação à variação das cotações da soja na Bolsa de Cereais de Chicago.

Apresentação

Introdução

Capítulo 1 – Aspectos da Produção e Formação do Preço da Soja

1.1  – O agronegócio brasileiro e a produção de soja

1.2  – A expansão da produção de soja no Brasil

1.3  – A expansão da produção de soja no Rio Grande do Sul

1.4  – Os preços no agronegócio

Capítulo 2 – A Bolsa de Chicago e a Taxa de Câmbio

            2.1 – A taxa de câmbio

Capítulo 3 – Preço da Soja: Maior Influência do Câmbio

            3.1 – Forte influência do câmbio entre 1999 e 2004

            3.2 – Real forte derruba os preços da soja no Rio Grande do Sul

            3.3 – Cotações da soja na Bolsa de Chicago garantem bom preço aos produtores

                     gaúchos

3.4 – Apreciação do Real reduz o preço da soja no Rio Grande do Sul

            3.5 – Cotações altistas na Bolsa e bons preços no Rio Grande do Sul

Capítulo 4 – A Abordagem Econométrica Confirma o Papel do Câmbio como

                     Protagonista do Preço da Soja no Brasil

 

4.1 – Estudo das flutuações dos preços

            4.2 – Análise dos resultados

Considerações Finais

Referências Bibliográficas

Apêndices

ARGEMIRO LUÍS BRUM

Professor da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUI) junto aos cursos de graduação, especialização, mestrado e doutorado em Desenvolvimento, e mestrado em Direitos Humanos, doutor em Economia Internacional pela EHESS de Paris (França), coordenador e analista da Central Internacional de Análises Econômicas e de Estudos de Mercado Agropecuário (CEEMA), órgão vinculado ao DACEC/UNIJUI.

 

DIONE FERREIRA DE ÁVILA

Bacharel em Administração - COMEX (IESA), especialista em Gestão Empresarial e Mestre em Desenvolvimento pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUÍ). Professor de Administração de Empresas.

 

JUSSIANO RÉGIS PACHECO

Economista e especialista em Finanças e Mercado de Capitais pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUI). Atua na Secretaria Municipal de Planejamento e Regulação Urbana de Ijuí-RS. Professor de Economia.

Essere nel Mondo

Rua Borges de Medeiros, 76
Santa Cruz do Sul / RS – Brasil | CEP 96810-034

+55 (51) 9.9994-7269